Insumos para lavoura: planos alternativos para aquisição

Insumos para a lavoura: dicas de como melhorar a aquisição dos insumos agrícolas.

Os insumos agrícolas, sejam eles fertilizantes, defensivos, corretivos, sementes ou mudas representam uma grande parcela do custo de produção.

E, com certeza você já notou que estes custos estão cada vez maiores.

Mas, você também sabe que o preço não é o único fator determinante na hora da compra dos insumos e que a qualidade é essencial.

Fonte: IFAG.

Para entender melhor sobre este assunto, trouxe para você conceitos e dicas que podem lhe ajudar na hora do planejamento e aquisição dos insumos agrícolas para a sua lavoura.

Vamos ver primeiramente o que são os insumos agrícolas.

O que é um insumo agrícola?

A definição de um insumo agrícola é feita pelo MAPA (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento).

A definição pelo MAPA é que insumos agrícolas têm o objetivo de nutrir e proteger as lavouras.

Com o uso deles você está no caminho certo para garantir as boas produtividades da sua lavoura.

Veja, pela figura abaixo, que os insumos representam uma parcela dentro dos custos de produção variáveis.

Fonte: Instituto Agro.

Agora que você sabe o que é um insumo agrícola, vou te mostrar a classificação deles quanto ao tipo.

Quais são os tipos de insumos agrícolas?

Os insumos agrícolas podem ser divididos em três tipos:

  • insumos biológicos;
  • insumos mecânicos;
  • insumos minerais.

Insumos biológicos

Os insumos biológicos são os materiais de origem animal ou vegetal.

Exemplos de insumos biológicos: esterco, composto, mudas e sementes.

Insumos mecânicos

Os insumos mecânicos são aqueles utilizados na produção agrícola, como as máquinas e implementos.

Insumos minerais

Os insumos minerais são de origem da produção industrial ou de rochas.

Exemplos de insumos minerais: defensivos agrícolas (herbicidas, fungicidas, nematicidas e  fungicidas), corretivos (calcário) e fertilizantes.

Agora que você já sabe o que é um insumo agrícola e que eles podem ser minerais, biológicos ou mecânicos, vou te levar para algumas dicas importantes na hora da aquisição deles. Vamos iniciar pelo planejamento!

Planejamento de compra de insumos agrícolas

O planejamento da safra é essencial, pois é através dele que você vai estabelecer a quantidade de insumos que vai comprar e qual o preço máximo que você deve pagar por cada um.

Para saber quanto você precisa comprar é preciso analisar as safras passadas, neste momento entra a gestão agrícola.

Por isso, é sempre importante anotar os manejos adotados ao longo das safras, pois através deles você saberá identificar se foram eficazes e se a quantidade de produtos comprada foi suficiente, se faltou ou se sobrou insumos no estoque.

Ao iniciar o planejamento e verificar quais produtos você terá que adquirir, o próximo passo será estudar a disponibilidades dos insumos com os fornecedores.

Estudo de disponibilidade de insumos

Para você saber exatamente o que precisa comprar de insumos para a sua lavoura é preciso que você faça uma gestão eficiente do seu estoque.

A gestão de compra e estoque vai lhe garantir que você não compre nada em excesso ou ainda, que deixe de comprar a quantidade suficiente de um insumo agrícola.

Portanto, mantenha a planilha ou aplicativo de gestão sempre atualizado, anotando tudo o que entra e sai do estoque, as quantidade que saíram do estoque para a lavoura e para onde foram na fazenda.

Para isso, separei para você uma sequência para ajudar neste processo desde a chegada do produto na fazenda até sua saída do estoque para ser utilizado na lavoura:

  1. Compra dos insumos;
  2. Confira todos os produtos que chegam na fazenda;
  3. Faça o registro da entrada;
  4. Sempre confira o seu estoque;
  5. Anote quando sair o produto do estoque;
  6. Faça a correta aplicação destes insumos.

Para uma correta aplicação dos insumos lembre sempre de seguir as boas práticas agronômicas.

Aplique em condições ambientais adequadas, respeitando a recomendação de bula.

Veja na figura abaixo que na safra 2020/2021 foram necessárias 6,6 sacas de 60 kg de soja para a compra de defensivos agrícolas na região Sul e Sudeste.

Fonte: Maqnelson.

Agora que você já sabe tudo o que precisa para a safra e as quantidades, chegou a hora de buscar pelos fornecedores.

Realização de orçamentos e listas de fornecedores

Na hora de buscar os fornecedores dos insumos lembre-se de levar em consideração os serviços oferecidos pelo fornecedor, e não apenas o preço.

Faça uma lista com todos os fornecedores, os preços e os serviços oferecidos por cada um deles.

Certifique-se da origem dos insumos e da reputação do fornecedor e da revenda. Busque informações com os seus vizinhos, com amigos, técnicos e agrônomos.

Veja pela figura abaixo que na safra 2020/2021 foram necessárias 5,7 sacas de 60 kg de soja para comprar os fertilizantes para um hectare de lavoura.

Fonte: Maqnelson.

Prazos de pagamento e entrega: a hora da negociação

Dentre as estratégias de negociação dos insumos agrícolas está o levantamento de preços.

Por isso, faça um orçamento das distribuidoras, levantando os preços e serviços disponibilizados.

Para você se sair melhor na negociação é interessante estar ligado no que está acontecendo no mercado financeiro. Isso porque, o custo com insumos é influenciado pelas taxas de câmbio.

Algumas estratégias para garantir melhores preços estão em trabalhar em cooperativas ou em grupos de compras, ou ainda barter.

Barter é uma negociação realizada entre produtores rurais e empresas de insumos agrícolas.

O acordo é feito antes da colheita por meio do CPR (Cédula de Produto Rural).

Nessa operação você garante a compra dos insumos, sem que haja a necessidade de tirar dinheiro do bolso.

Trata-se de uma negociação, um acordo de troca entre os produtos e insumos.

Entre alguns benefícios dessa operação estão o baixo custo, menores riscos, maior alcance comercial e menores problemas com armazenamento.

Para finalizar, separei para você algumas dicas para a hora do planejamento e execução das compras dos insumos agrícolas.

  1. Mantenha atualizado as informações de compras de insumos de cada um dos fornecedores;
  2. Tenha um preço máximo a ser pago pelo produto;
  3. Avalie os resultados que você teve na sua lavoura com o uso do insumo;
  4. Não deixe a compra de insumos em segundo plano, sempre planeje, avalie e compre o que é realmente necessário;
  5. Sua tomada de decisão pelo melhor fornecedor deve ser racional;
  6. Faça o orçamento com vários fornecedores;
  7. Avalie sempre o custo-benefício e não apenas o preço. Neste caso estou referindo aos serviços que o fornecedor pode lhe ajudar, e não a brindes;
  8. Negocie.

Conclusão

Neste texto você aprendeu sobre o que são insumos agrícolas e quais são os tipos.

Vimos também o que é preciso fazer na hora da aquisição dos insumos.

Planejamento e gerenciamento dos estoques é necessário para não perder dinheiro.

A busca pelos fornecedores deve considerar a qualidade, a reputação e os serviços oferecidos, além do preço.

Gostou do texto? Tem mais dicas sobre aquisição de insumos para a lavoura? Adoraria ver o seu comentário abaixo!

Sobre a Autora: Ana Ligia Giraldeli. Engenheira Agrônoma formada na UFSCar. Mestra em Agricultura e Ambiente (UFSCar), Doutora em Fitotecnia (USP) e especialista em Agronegócios. Atualmente Professora da Colaboradora na UEL.

Clique no site da Conecta Sementes para saber mais.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *